terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Fórum promovido pela ONU discute internet acessível e inclusiva

Cerca de 3 mil delegados de todo o mundo já estão reunidos para o 11º Fórum de Governança de Internet realizado em Jalisco, no México. Com participações online, o Fórum acontece até 9 de dezembro e discutirá os desafios atuais da era digital e como potencializar a internet para garantir igualdade de acesso de oportunidades para todos.
Cerca de 3 mil delegados de todo o mundo já estão reunidos para o 11º Fórum de Governança de Internet realizado em Jalisco, no México. Com participações online, o Fórum acontece até 9 de dezembro e discutirá os desafios atuais da era digital e como potencializar a internet para garantir igualdade de acesso de oportunidades para todos.
Até o fim deste ano, estima-se que quatro bilhões de pessoas – mais da metade de toda população mundial – não estarão usando a internet. Além disto, duas em cada três residências em países em desenvolvimento não possuem acesso à internet. Menos de 10% da população dos países menos desenvolvidos acessam a internet, em comparação com mais de 80% nos países desenvolvidos. Há uma necessidade clara e urgente de intensificar os esforços globais para diminuir o abismo digital.
O Fórum reunirá governos, organizações internacionais, líderes de tecnologia do setor privado e comunidades tecnológicas, sociedade civil e academia para abordar estes desafios e também consolidar os enormes progressos e avanços que a internet tem proporcionado.
“Hoje, a internet tem impacto em todos os aspectos da vida. Inegavelmente provocou inovação e empreendedorismo, criou novas formas de engajamento e atividade econômica”, afirmou Lenni Montiel, assessor do Secretário-Geral para Desenvolvimento Econômico do Departamento de Economia e Assuntos Sociais das Nações Unidas. “Isto ajuda as pessoas a se conectar, se organizar e agir por um objetivo comum”.
Aumentar o acesso à internet é parte da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. A Agenda tem o objetivo ambicioso de “aumentar significativamente o acesso às tecnologias de informação e comunicação e se empenhar para oferecer acesso universal e a preços acessíveis à internet nos países menos desenvolvidos, até 2020”. A agenda também estabeleceu novos padrões de desenvolvimento universal que objetivam garantir que ninguém será deixado para trás.
Neste ano, o Fórum tem o tema “Garantir crescimento inclusivo e sustentável” e procura trocar experiências sobre como a internet pode propiciar desenvolvimento sustentável e inclusivo, com oportunidades para todos.
O encontro de quatro dias incluirá diálogos interativos e debates, discutindo uma grande variedade de temas e tópicos: Internet e Desenvolvimento Sustentável, Acesso e Diversidade, Assuntos de Gênero e Juventude, Direitos Humanos e Liberdade de Expressão Online, Cibersegurança etc, em mais de 150 diferentes sessões.
A cada ano, as Nações Unidas promove um encontro do Fórum de Governança de Internet, através do Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais, para reunir atores que discutam assuntos atuais e emergentes de governança de internet, assim como oportunidades e desafios, num encontro inclusivo e transparente.
Informações adicionais disponíveis aqui.
Participação online disponível aqui. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário