quinta-feira, 24 de março de 2016

América Latina tem sete milhões de pobre a mais em 2015



O número de pobres na América Latina e no Caribe cresceu 7 milhões em 2015, passando de 168 milhões no ano anterior para 175 milhões de pessoas, ou 29,2% da população da região, de acordo com as projeções da Comissão Econômica para a América e o Caribe (Cepal) divulgadas nesta terça-feira. O crescimento é consequência da contração econômica que a região enfrenta, segundo a organização, e representa um retrocesso, uma vez que, entre 2013 e 2014, o aumento de pessoas em situação de pobreza foi de 2 milhões. [...]


Leia também: Desigualdade sobe pela primeira vez no Brasil desde 2001 - http://veja.abril.com.br/noticia/economia/desigualdade-sobe-pela-primeira-vez-no-brasil-desde-2001

Nenhum comentário:

Postar um comentário