terça-feira, 23 de outubro de 2012

Leitura & Gastronomia

Maria Lucia Gomensoro
Editora Objetiva
432 páginas

São cerca de 3.700 verbetes - inusitados, sugestivos, engraçados. Informações curiosas sobre os ingredientes que utilizamos no dia-a-dia, sobre hábitos exóticos de outros lugares, outros tempos. Uma iniciativa original que torna este livro uma obra de referência sobre a gastronomia, cultura milenar. Quando surgiu o primeiro cachorro-quente? Como se chega aos melhores vinhos do mundo? Por que as trufas são tão deliciosas e caras? E já lhe passou pela cabeça o que Napoleão Bonaparte pode ter a ver com a invenção dos enlatados? São histórias assim saborosas que você vai encontrar neste livro. A partir de ampla e minuciosa pesquisa, a autora reúne informações variadas de forma clara e concisa. Quem aprecia os segredos da boa mesa, quem gosta de conhecer os episódios que a História se esqueceu de contar vai deliciar-se a cada página. 



Luciano Vieira Machado e Guilherme João de Freitas Teixeira (tradutores)
Jean Louis Flandrin e Massimo Montanari (organizadores)
Editora Estação Liberdade
904 páginas

Este livro trata da alimentação cotidiana, do papel do pão, do vinho, dos condimentos, da arte culinária, mas trata, também, das carestias que periodicamente castigaram diversas populações, ou das transformações do consumo alimentar nos últimos dois séculos. Acredita-se que ancestrais já possuíam livros de culinária e que as profissões na alimentação eram ainda mais numerosas que as do século XXI. O livro procura mostrar como a tradição ocidental foi influenciada por diversas culturas - as da Mesopotâmia e do Egito antigo, da Grécia e de Roma, dos bárbaros, dos bizantinos, dos judeus e dos árabes, e por fim dos norte-americanos.



Laurent Suaudeau
Editora Campus – RJ
160 páginas

Este livro apresenta textos escritos pelo chef Laurent Suaudeau para um jovem que está iniciando no ramo da culinária. Por meio de perguntas e respostas, Laurent divide seu conhecimento, discute e destrincha a profissão de chef, fornecendo as informações necessárias a todos os interessados nessa área. Pensando no legado dos grandes mestres da culinária francesa, Laurent conta um pouco de sua experiência, em como se tornou cozinheiro e o que conseguiu da profissão vida. Também reflete sobre a importância cultural da alimentação, sobre a sabedoria daqueles que vieram antes de nós e o que realmente distingue um grande chef de cuisine. O livro é menos teoria e mais prática, fruto do que o autor viveu e aprendeu com os mestres, e fruto de sua experiência de quase 30 anos de manejo das panelas. Tópicos abordados no livro - Gastronomia e cultura; Formação; Mestres; Produtos locais; Gestual; Passos; Bases Clássicas; Conteúdos; Cardápio; Relacionamento; Futuro.



Nenhum comentário:

Postar um comentário