quarta-feira, 26 de abril de 2017

Universidades podem cobrar mensalidade de cursos de especialização, decide STF

Por Breno Pires e Rafael Moraes Moura / Estadão

BRASÍLIA - Por 9 a 1, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quarta-feira (26) que as universidades públicas poderão cobrar mensalidade em cursos de pós-graduação lato sensu. A decisão do STF vale para cursos de pós-graduação lato sensu, conceito que abarca os cursos de especialização como os MBAs. Não se aplica a mestrados e doutorados ofertados em instituições públicas, que seguem gratuitos.
O entendimento firmado pela Corte foi o de que a garantia constitucional da gratuidade de ensino não impossibilita a cobrança, por universidades públicas, de mensalidade em curso de especialização. [...]

Nenhum comentário:

Postar um comentário